Será o HubSpot a Ferramenta Certa Para Si?

Publicado por: Fernando Lopes

Data Artigo 08-05-2014 12:30

Pés-bebeHá cada vez mais empresas a querer enveredar pelo caminho do Inbound Marketing em Portugal. Para as que já perceberam essa cultura, as áreas de aprendizagem são tantas que a última coisa que querem é ter de se preocupar com as variadíssimas infra-estruturas tecnológicas necessárias para colocar em prática esse processo.

Sim, eu disse cultura, porque esse é o primeiro passo, e como alguém dizia "a maior das viagens começa com o primeiro passo". 

Aqui na Nível Horizontal, que nascemos para actuar na àrea do CRM e vendas, também nós tivemos de dar esse primeiro passo. Das ferramentas que começaram a proliferar por ai, acabamos por escolher a HubSpot (HS). Não foi uma escolha fácil, demorou cerca de dois anos a fazer, e tentei outras abordagens, que me levaram a aprender muito sobre o papel das tecnologias como apoio ao processo de marketing e vendas.

No final, percebi que tudo se resumia a essa "cultura de cliente" - pouco interessa como vende, o que é realmente importante é como o seu cliente compra - e para isso o CRM era curto, precisava de algo mais. 

A pergunta central foi sempre esta, que acredito, depois de conhecer a plataforma, será a sua:

Preciso Mesmo de Comprar o HubSpot?

Depois de uma muito breve pesquisa, vai perceber que é uma ferramenta de apoio ao marketing digital fantástica, pode é não ser a ferramenta certa para o caminho que quer traçar. Desde logo é importante perceber o seguinte:

  • O HubSpot é só uma ferramenta, e como tal só é tão bom como as pessoas que o vão usar.
  • O HubSpot e o inbound marketing não vão funcionar do dia para a noite. (Não espere resultados significativos entes de uns 6 a 9 meses)
  • O HubSpot e o inbound marketing precisam de tempo.
  • O HubSpot e o IM são uma cultura. Se quer ser bem sucedido, tem de se agarrar a ela e ser consistente.
  • O HubSpot, sendo uma ferramenta fantástica, NÃO é uma poção mágica.

O Preço do HubSpot Justifica-se?

Admito que esta foi talvez a resposta que mais me custou a encontrar. Primeiro porque estava ainda formatado para o marketing digital e para o CRM, depois porque as tácticas de moda como as redes sociais causam um ruído inimigo da visão mais geral e estratégica.

Depois de perceber que tinha de colocar o meu negócio e o dos meus clientes no caminho do inbound marketing e do marketing de conteúdo, tornou-se como que confuso para mim ouvir certas empresas dizer que achavam o preço do HubSpot caro.

Para mim caro, diria mesmo desconcertante, é o facto de continuar a ver empresas "queimarem" milhares de euros em páginas amarelas, rádio, mail directo, televisão, adwords, feiras etc - tudo aquilo que têm resultados no muito curto prazo e praticamente não tem resultados residuais - mas essas mesmas empresas hesitam em gastar o equivalente a uma mísera feira por ano, num sistema que lhes vai trazer leads, a uma taxa crescente e, imagine, PARA SEMPRE. 

8 Perguntas de Marketing Digital  que todos os  Donos de PMEs  Vão Querer Fazer  

Nas empresas exportadoras custa-me ainda mais a perceber. O que é que me está a escapar? Mesmo para algumas pequenas empresas, gastar €12.000 num ano, equivale a uma percentagem do budget promocional da empresa que chega a ser ridícula. 

Actualmente, a HubSpot tem várias versões à escolha, o pacote "HubSpot Basic" sai por menos de €185/mês e o pacote "Pro" sai por €740/mês, mas o melhor é ver as várias opções aqui. A maior parte dos nossos clientes, e nós próprios na Nível Horizontal usamos o HubSpot Professional. 

Na hora da decisão, se as empresas perceberem quantos Euros vão realmente poupar com o HS (assumindo que fazem a sua parte), aposto que estariam dispostas a pagar ainda mais, só para configurar e arrancar com ele amanhã. Acredito mesmo, com toda a sinceridade, que vale a pena cada cêntimo.

Sim, o HS Pode Ser Um Problema

Admitamos que cabe naqueles 95% de clientes da HS que são donos de pequenas e médias empresas, com conhecimentos relativamente limitados sobre como isto da Internet funciona.

Fica intimidado com termos como SEO, "social media", landing pages, keywords, analytics, etc.? Acha a ideia por trás do inbound marketing muito atractiva, mas só de pensar em "blogar" e "produzir conteúdo" deixam-lhe aquele nervoso miudinho?

Se souber como colocar um negócio alinhado com o futuro sem trabalho diga-me. Estou mesmo interessado em saber. 

O Maior Problema do HubSpot

Se algum dia vier a usar o HS, vai começar a aprender e perceber todo o processo e vai acontecer o seguinte:

  • Vai receber n posts por dia a dizer o que precisa de fazer
  • Vai pensar que tem de ser especialista no Twitter, Facebook, LinkedIn, YouTube, etc.
  • Vai sentir a pressão para escrever um blog post atrás do outro
  • Vai sentir pressão para criar páginas de aterragem, botões acção, e formulários.
  • Vai perceber a necessidade de formação continua e de manter a actualização com o sector
  • Vai querer usar e aprender as novas ferramentas, funcionalidades, etc. do HS
  • E por aí fora...

A gestão do tempo pode ser um problema - mesmo!!, isto se não tiver a cultura e os processos bem enraizados. 

E Agora?

Bom, se está a "cozinhar" a reestruturação da sua estratégia, do marketing, do website, se é uma start-up, se quer crescer desmesuradamente, não vai poder fugir às infraestruturas tecnológicas de apoio ao Marketing e Vendas.

Não se deixe enganar por aquelas receitas baratas tipo "as redes sociais são de borla", nem pela promessa da tecnologia líder de mercado que lhe vai resolver todos os problemas.

O primeiro passo, é perceber que lhe cabe a si criar as condições para uma cultura de conteúdo, que ajude verdadeiramente os seus potenciais clientes, em todo o processo de compra. A tecnologia só vai facilitar essa adopção. 

ABC do Marketing Digital para PME

Autor: Fernando Lopes

"Eu tenho 3 amores... que em nada são iguais": Família, Inbound e surf. Se não estiver na água e/ou com o meu filho - estou a ajudar uma empresa B2B a criar a máquina para crescer de forma rápida e sustentada com SMarketing=Sales+Marketing.

Descubra-me no:

Tópicos: HubSpot, Marketing de Conteúdo